quinta-feira, 21 de maio de 2015

Cântico I


É dia de recolher as armas e abrir o peito pro sol. 
Dia de agradecer, de receber um doce abraço.
Dia de amar, de perceber, de viver enfim. 

Hoje é o dia.